Image Map

13 fevereiro 2015

Resenha: A garota que você deixou para trás - Jojo Moyes


Autor: Jojo Moyes
Editora: Intrínseca
Número de páginas: 379
Avaliação: 5/5

Então, esse é o segundo livro que eu leio da autora, eu me apaixonei pela escrita dela no primeiro que li "Como eu era antes de você" e tava cheia de expectativa para esse.

No primeiro livro da Jojo Moyes que eu li a história tinha duas vertentes e nesse aqui não foi diferente, o que difere os dois é que no primeiro livro essas vertentes se encontram e nesse livro essas duas pessoas, os dois centros da história viveram em séculos diferentes. Primeiro conhecemos a Sophie Lefévre, vive na França em 1916 e está passando por muitos apuros, seu marido foi levado para lutar na Primeira Guerra, e ela com sua família que restou estão passando fome, sofrendo pelo fato dos alemães terem ocupado a cidade onde eles vivem.

O seu restaurante é escolhido para alimentar e hospedar os alemães, o que é uma tortura, já que é como colaborar com o inimigo. Em seu restaurante Sophie tem um quadro pintado por seu marido que se chama "A garota que você deixou pra trás", uma representação dela na pintura. O Kommandant alemão que está no regimento da cidade se apaixona por aquele quadro e o vislumbra todos os dias ao chegar no restaurante.

Todo esse gosto do Kommandant pelo quadro e todo o desespero de Sophie por ter o seu marido de volta ou de estar junto dele vai fazer com que ela tenha atitudes arriscadas que trarão várias consequências.

Na parte II da história vamos conhecer a história de Liv Halston que vive em uma Casa de Vidro, construída pelo seu marido David que faleceu, então ela vive uma vida sozinha e todos os dias são dias para ter várias lembranças de David, inclusive quando olha o quadro que ganhou dele em sua lua de mel, o quadro de Sophie Lefévre. 

"O que isso ensinou á gente, Sr. McCafferty, é que na vida há coisa muito mais importantes do que vencer." Página 329

Em um dos seus dias ruins ela vai até um bar gay e conhece Paul McCafferty, que é irmão do dono do local e que desde o início mexe com ela, mesmo que ela não entenda direito o que sente ela sabe que ele foi diferente mas óbvio que se confunde afinal todo dia ela pensa em David e não sabe se consegue deixá-lo mesmo. O que ela não sabe é que esse encontro vai virar toda sua vida de cabeça para baixo e isso envolve o seu bem mais precioso: o quadro.

Os personagens são maravilhosos, eu gosto muito das protagonistas e também gosto de Paul, ele é um cara super bacana, muito gentil e que surpreende Liv das melhores e mais inimagináveis formas. A história é incrível, o final me deixou de boca aberta, eu amei como tudo aconteceu, a Jojo soube criar uma história muito bem, muito sincronizada, muito bem construída. Sem dúvidas, amo mais ainda seus livros.

"Simplesmente porque você vai tocando o barco de verdade. Ás vezes, minha querida, isso em si é heroico." Página 355

Então é isso gente, espero que tenham gostado, alguém já leu esse livro por ai? Super beijo!
Só para garantir 0

Nenhum comentário:

Postar um comentário